Notícias

18/09/2020
Crianças regressam às aulas em ano completamente atípico

Para uns foi o primeiro dia de aulas. Para outros foi o início de ano numa ‘nova casa’. Mas todos têm que lidar com uma nova realidade. Num novo ano lectivo completamente atípico, os mais novos regressaram hoje ao Jardim de Infância de Martim e às instalações provisórias da EB1, no Complexo Desportivo de Martim. “Desde que haja sintonia só pode correr tudo bem”, aplaudiu o presidente de Junta de Freguesia de Martim.
António Carvalho aproveitou para agradecer a colaboração da Câmara Municipal de Barcelos e deixou um obrigado “muito especial” a todos os profissionais ligados à educação em Martim, com destaque para os coordenadores, professores, auxiliares, associação de pais e elementos do Apoio à Família e da Componente de Apoio à Família. “Foram todos incansáveis no sentido de proporcionar um bom ano lectivo”, enalteceu o presidente, destacando a “união de esforços” para que tudo corra “sempre bem” mesmo em tempos de pandemia.
E porque “não há sucesso sem uma boa equipa educativa e a participação da comunidade educativa”, a educadora responsável pelo Jardim de Infância de Martim, Lígia Vieira do Santos, começou por agradecer “a disponibilidade e o apoio irrepreensível” da Junta de Freguesia de Martim, destacando aqui a aquisição de materiais e a colocação de um coberto no exterior junto à cantina. Os pais também mereceram o aplauso da responsável por toda a dedicação.
Por tudo isto, o ano lectivo começou de forma “tranquila” e cumprindo todas as normas do plano de contingência. “Temos 48 crianças em duas salas. O Jardim de Infância de Martim está a crescer e de forma sustentada e positiva. Este crescimento é muito significativo, porque apesar do acréscimo de natalidade, não é alheio a este crescimento o esforço e a qualidade que o Jardim de Infância oferece”, assegurou a educadora coordenadora. Com as vagas esgotadas, Lígia Vieira dos Santos acredita que este é o “reconhecimento do trabalho de equipa, já que toda a gente se envolve e dá força para que tudo corra bem”.
O “ensaio” do final do ano lectivo passado também ajudou na “orgânica e dinamização das rotinas e espaços”, tendo os mais novos ajudado na tarefa. O serviço da Apoio à Família já está a ser disponibilizado desde o passado dia 1 de Setembro para cerca de 50% das crianças, por isso, hoje, apenas as crianças de três anos e que vieram de outras instituições é que entraram no Jardim de Infância pela primeira vez.
A educadora coordenadora adiantou que este novo ano lectivo se vai usufruir o mais possível do espaço ao ar livre. “Com a ajuda da junta de freguesia e dos pais vamos reinventar o espaço, apetrechando-o para proporcionar outras actividades aos mais novos, inclusive jogos à moda antiga”, revelou.
A boa disposição também reinou no Complexo Desportivo de Martim, que acolhe provisoriamente a actividade da EB1 de Martim, que está em obras. “O regresso foi muito pacífico, até porque alguns deles já tinham a experiência do final do ano lectivo passado. O certo é que se adaptaram muito bem ao novo espaço”, garantiu o coordenador da EB1 de Martim, evidenciando “alguns receios naturais” dos pais, sobretudo das crianças que chegaram pela primeira vez à escola.
“Temos todas as condições necessárias, estando a regras de higiene e de segurança a ser cumpridas”, garantiu Adalberto Castro, referindo que as turmas estão a entrar por zonas diferentes e em horários desfasados. Na cantina, assegurou o professor, também está a ser tudo controlado segundo as orientações da Direcção Geral de Saúde.
Apesar de serem “tempos difíceis” e de “grande aprendizagem”, para a presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Jardim de Infância e da EB1 de Martim “todos se adaptaram à nova realidade e preparam um novo futuro”. Marisa Fonte admitiu que esta “nova dinâmica obrigou a um trabalho mais dispendioso, mas está a correr bem”.
Entretanto, a experiência vivida com os mais novos do jardim-de-infância no final do ano lectivo passado já ajudou a preparar este novo ano.
Sobre o facto dos alunos da EB1 estarem a ter aulas no Complexo Desportivo de Martim, por causa das obras na escola, Marisa Fonte deixou a garantia: “os pais podem estar tranquilos, porque os nossos alunos têm todas as condições de segurança e higiene”.
Ainda sobre as instalações provisórias da EB1, a presidente da associação sublinhou que “é uma dificuldade que se enfrenta com grande entusiasmo, porque é por uma boa causa”. Marisa Fonte agradeceu o apoio da Junta de Freguesia de Martim, que teve uma “longa luta” para a comunidade vir a ter “um espaço educativo de qualidade”.

DESCARREGUE
a agenda e participe
nas atividades!
Download
PDF

Ajude-nos a melhorar
a nossa freguesia

Informe-nos sobre avarias/anomalias existentes na sua rua.

REPORTAR OCORRÊNCIA

Reportar Ocorrências
Dados recolhidos para processar ocorrência

Os dados pessoais do presente formulário de Ocorrências são recolhidos legalmente e sujeitos a tratamento por parte da JF MARTIM.

Estes dados não serão partilhados fora desse âmbito e serão mantidos até informação em contrário por parte do seu titular.

Nos termos do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados é garantido, a qualquer momento, ao titular dos dados:
- o direito de acesso, retificação e atualização dos seus dados pessoais;
- o direito de oposição ao tratamento dos mesmos, mediante pedido dirigido diretamente no site da JF MARTIM na área de Política de Privacidade ou pelo correio eletrónico geral@jf-martim.pt.